Uncategorized

Como aprender com os seus erros se você se deu mal na prova

outubro 2, 2016

Interprete o poema…. as fases assexuada e sexuada das angiospermas… π³ . R (ax + b) + 3 + 2i…

Se deu mal na prova? Nada de pânico. Você ainda pode com seus erros e dar a volta por cima.
Você parece o meu próximo erro. (giphy.com)

Galera, é impossível viver sem cometer erros, ainda mais no Ensino Médio. Contudo, entretanto, todavia isso não é necessariamente ruim. Euzinha, no fim das contas, posso até aprender de verdade um conteúdo, mas na hora H, lembro primeiro das questões que errei e aprendi como se resolvia para nunca mais errar de novo.

      E, como eu disse, é quase impossível fechar todas as avaliações/atividades da alfabetização ao terceiro ano, então, mesmo que você se culpe (o que, ao invés de adiantar alguma coisa, só vai te estressar), não passe muito tempo se lamentando. Ainda há as finais e, sim, o vestibular do ano que vem (que não é um bicho de 7 cabeças/sentença de morte/a prova de que você nunca vai ser nada na vida como dizem por aí.)

  1. Se você não estiver correndo contra o tempo, durma no assunto.

No sentido conotativo da expressão — ou seja, espere um pouquinho para rever a(s) questão(ões). Depois da aula é outro momento, agora você ainda acha que a alternativa errada é a certa ou que C de Certo e D de Deus são os melhores chutesDê um tempinho (inho mesmo) para você esfriar a cabeça em vez de corrigir suas respostas com pressa.

Se deu mal na prova? Nada de pânico. Você ainda pode com seus erros e dar a volta por cima.
O sentido denotativo. (giphy.com)

2. Por que você errou? 

Releia a questão toda (o enunciado, as alternativas caso seja uma prova fechada, e a sua resposta). Se você perceber o erro à primeira vista e ele tenha sido simplesmente falta de atenção (acontece), revise as questões da próxima vez. Se você não souber ou não tiver certeza de qual tenha sido o erro mesmo depois de reler 3768 vezes e tentar resolver por um monte de ângulos diferentes, está na hora de chamar os reforços.

game-thrones-robb-stark-mistake.gif
Talvez eu tenha cometido um erro terrível. (tenor.co)

 3. Tire as dúvidas com seu(sua) professor(a).

Só não espere passar duas semanas e outra prova para tirar suas dúvidas. De prefêrencia, faça isso assim que possível, da próxima vez que você tiver aula com ela(e), ou o caderno de questões estiver na sua mão e você encontrá-la(o) no corredor, ou (sem vergonha) se ela(e) estiver na sala dos professores.

Se deu mal na prova? Nada de pânico. Você ainda pode com seus erros e dar a volta por cima.
Vamos, façam perguntas. Isso é tão estranho. (futurerising.com)

4. Refaça a questão.

Agora que você já sabe porque errou, dessa vez tente acertar (se não, nem tudo está perdido. Continue lendo esse post). De preferência, espere mais um tempinho para certificar-se de que você aprendeu mesmo. Mas assim, não se engane: se você se lembrar da alternativa certa, não a marque e dê a questão como resolvida até que você saiba porque ela está certa.

Se deu mal na prova? Nada de pânico. Você ainda pode com seus erros e dar a volta por cima.
Faça de novo. Mais uma vez. Por favor. (nbcthevoice.tumblr.com)

5. Pesquise a resolução e estude-a.

Se você tiver um tempinho de sobra/não tiver conseguido resolver a questão de jeito nenhum, pesquise na Internet ou no grupo da sala do WhatsApp ou pessoalmente entre seus coleguinhas (se for uma questão de exatas, de preferência, estude mais de uma resolução, tanto no caso de você não entender direito, quanto para você ter mais uma carta na manga). Estude-a — a menos que ela seja bem simplesinha, não dê uma olhada rápida e pronto, certifique-se de que você entendeu cada etapa. 

Se deu mal na prova? Nada de pânico. Você ainda pode com seus erros e dar a volta por cima.
(makeagif.com)

6. Dê a volta por cima.

O seu erro teve a ver com a questão em si ou com o conteúdo? Se você havia aprendido o conteúdo, mas a questão era, como dizem por aí, barril, pergunte ao seu(ua) prófi qual era o nível (fácil, médio, difícil) e o modelo (FUVEST, ENEM, etc.) da questão e resolva outras tanto parecidas quanto piores. Se foi o conteúdo que te pegou, revise-o tirando dúvidas com seus coleguinhas e prófis, pela Internet ou pelo seu módulo. É de suma importância que você não erre a mesma coisa na próxima prova. Se for para errar, cometa um erro novo que venha com uma nova lição.

same-mistake-twice.gif
Nunca cometa o mesmo erro 2 vezes. (reddit.com)

Vocês corrigem as questões erradas ou deixam pra lá? Se esse post te deu uma ajudinha e/ou se você gostou, curta e compartilhe para ele ajudar mais ser humaninhos.

*Imagem do Unsplash

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *